Set The Fire To The Third Bar

Eu descobri um mapa em minhas veias que me dirigiam a você, as linhas delineavam o meu corpo e a distância que o separava daqui para onde você estaria é apenas a do comprimento de dedos que eu vejo. Eu toco o local onde eu encontraria a sua face, meus dedos hesitavam entre distantes lugares obscuros.

Eu deixei meu casaco na primeira parada, não há paz que eu tenha achado até agora. A risada penetra o meu silêncio enquanto homens bêbados encontram falhas na ciência. As palavras de outrem, em grande maioria barulhos, fantasmas com apenas vozes. Seus textos, suas palavras, em minha lembrança são como música para mim.

Eu estou há milhas de onde você está. Então, eu me deito no chão frio e peço para que algo me levante e me coloque nos seus braços quentes.

Depois de um longo caminho percorrido, nós acendemos o fogo ao terceiro grau. Nós nos compartilhamos como uma ilha, até que exaustos fechamos nossos olhos. E sonhando, continuamos desde o último lugar em que paramos. Como se pudesse sentir sua pele macia arrepiar-se, tenho uma alegria que não se pode conter.

Eu estou há milhas de onde você está. Então, eu me deito no chão frio e peço para que algo me levante e me coloque nos seus braços quentes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s